domingo, 3 de julho de 2011

Versão 03.07.2011 de 20.04.2011

No calor da emoção
Queimou palavra
Cinzou poesia

5 comentários:

JoneGuimaraes disse...

Haha, Sensacional.

Parole disse...

Adoro esses poemas curtinhos, mas que dizem tudo...

Beijinhos

Ana Agarriberri disse...

Tem idéia do quanto foi bom voltar no Molhe-se hoje, com uma pontinha de vontade de voltar a postar e te encontrar por lá? Foi o empurrão que faltava pra eu voltar. =) Obrigada por não ter "me abandonado". Haha.

PS: Tá lindo aqui. Como sempre esteve. Beejo,beejo. Saudade também.

JoneGuimaraes disse...

você que escolhe bem as palavras, e se eu faço isso é por aprender nas poesias de alguém (que nem sei nome). Obrigado [...]

Thalita Santos disse...

Uma simplicidade elegante de descrever aquilo que não é muito simples, porém maravilhoso e enigmático.