domingo, 28 de agosto de 2011

18.04.2011

Isso não fui eu quem escreveu.
É que para isso sou muito frio.
Isso não é meu, amor.
Que não consigo falar do fundo,
do escondido, do invisível.
É que sou muito frio.
Isso é de outro, amor.
Isso é de outro amor.

Um comentário:

Brilho da Lua disse...

O frio também esquenta....