quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Versão 03.08.2011 de um dia em 1998

Eu leio versos na mente podre.

Um comentário:

Parole disse...

Uma dádiva isso... Imagine poder ler versos na podridão.

Beijo.