sexta-feira, 9 de março de 2012

09.03.2012

Não estranhem se de repente eu mudar

tudo de lugar

Não estranhem se de repente eu

mudar tudo

Não estranhem se eu mudar

o lugar




Não estranhem se eu ficar
mudo

Não me estranhem, se eu mudo



pra                 ficar

4 comentários:

Jenny Paulla disse...

adorei

Nina Guimarães disse...

Caralho!

Autora escondida disse...

Sensacional!!!!!! Você me deixou arrepiada!

Autora escondida disse...

Desculpa, quero só ser insistente nisso: que poesia do caralho!