domingo, 2 de setembro de 2012

24.09.2010

De tanto que pensei, não escolhi.
Fiquei parado na dúvida.
Não decidi, não consegui.
Me perdi entre os pesos e medidas
de uma simples escolha.
Decidiram por mim.
Perdi.

2 comentários:

Gracita disse...

Bom dia Sr Reticente. Nunca é bom deixar que as escolhas sejam decididas por outrem. Mesmo quando escolhemos errado elas nos possibilitam um belo aprendizado. Um domingo repleto de bênçãos. um abraço fraterno.
Gracita

João disse...

Um discípulo perdido em meio às próprias reticencias...

Sei não, T...

No que eu acredito? Vou fazer um post sobre no rudimentarium. Faz aqui também, quando puder/quiser.