quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Versão 17.10.2012 de 04.04.2010

toda vez que eu acordo
acho graça por tá vivo
chego até o fim do dia
me perguntando pra que isso

5 comentários:

João disse...

É muito mundo pra poucas costas.

Aryane Pinheiro disse...

pra que isso? como assim? "..."

Aryane Pinheiro disse...

Ei...somos diferente da grande maioria, que nos cerca, ainda, não percebeu isso??!!??
Tenos domínio da palavra, sensibilidade aguçada, somos mais intensos que a medilcridade, que nos envolve, é lógico que nossos questionamentos, naturalmente, são mais constantes, e detalhados...
Por isso nos perguntamos mais,questionamos mais, e nos cobramos mais...
Somos normais no nosso mundo anormal.

Bom tê-lo por aqui!!

Lari Moreira disse...

Onde esta o sentido eu ainda não sei


http://maybe-i-smiled.blogspot.com.br/

Mariana das Neves disse...

E pra que sirvo?