quarta-feira, 7 de novembro de 2012

08.05.2010

Um ponto final pra cada reticência dessa história, por favor.

Um comentário:

João disse...

Não limite-se, querido.