domingo, 27 de outubro de 2013

17.09.2013

Para toda a impaciência que impera na vida de quem amo, desejo a sensatez. Desejo a generosidade para se perceber que a diferença é condição de existência e continuidade da vida e, portanto, antes de proferir aquela voz mais alta, de fazer aquele gesto de desaprovação, de dar aquele riso irônico e sussurrar aquelas palavras rancorosas, antes de ferir aquele cuja vida lhe é tão cara, que haja tempo para mudar de estratégia e entender que o sofrimento não é privilégio somente seu. Não tenho solução para todos os problemas que nos cercam nesse momento, se tivesse já teria compartilhado; mas acredito sinceramente que com carinho e calma - um abraço e um beijo por mais breve e sem jeito já é um começo - diante da limitação do outro, os problemas diminuem consideravelmente de tamanho.

3 comentários:

Gracita disse...

Bom dia amigo Reticente
Que neste domingo você seja visitada pela alegria, surpreendida pela felicidade, acompanhada pelos anjos e abençoada por Deus. Um dia de vitórias e muito amor.
Beijos no coração e afagos na alma
Gracita

O tempo das maçãs disse...

Sofremos por nós e por quem amamos, pois nem sempre podemos agir por eles, apenas ficar na torcida de que tudo vá bem.

Beijinho.

Helena disse...

Que blog intrigante! Incita a curiosidade abrindo caminho para o querer ler mais e mais... E assim me vi chegando ao início onde pude entender um pouco mais o teu processo de registrar emoções e sentimentos.
"Havia algo além das reticências e ele queria saber o que."
Com esta proposta nos conduzes por caminhos às vezes tortuosos, outras de fácil acesso... isto quando conseguimos entender os meandros do teu sentir.
Excelente o teu blog! Adorei estar aqui e se me permitires hei de voltar.
Deixo-te um sorriso pendurado numa estrela, desejando que tua semana venha sem muitas reticências, talvez um pouco mais de certezas permeando tuas horas.
Helena