quarta-feira, 20 de novembro de 2013

10.03.2013

Deixo a saliva
em seu corpo
Deixo a mordida
a marca, a ferida
Deixo a saudade
e parto
despedaçado
no vazio
do seu egoísmo
de me ver partindo
e não querer
vir comigo.

Nenhum comentário: