domingo, 13 de abril de 2014

Trecho final de 10.04.2014

Escrevo para nos salvar de mim e de tudo que há entre nós e eu não sei desatar.

Nenhum comentário: