quarta-feira, 30 de julho de 2014

30.07.2014

"Vai com Deus",
dizia o mendigo encostado
na porta do banco.
Abria-a e fechava-a
esperando um agrado
pelo favor
desnecessário.
Quem sabe alguém
carrega Deus no bolso?
E ao sair da agência,
o homem sem saldo,
descrente,
jogou-lhe uma moeda
respondendo:
"Fique com ele!"

Nenhum comentário: