domingo, 5 de outubro de 2014

10.10.2012

E agora,
toda noite
quando me deito
me sobe um desejo
e te imagino ao meu lado

Desde que você prometeu
aparecer
fantasio nós dois
nesse quarto

Apago a luz
querendo te ter
imagino o perigo
dos nossos corpos
tão próximos
que no meio da escuridão
eu penso que

quando você vir
me visitar
talvez seja melhor
eu dormir no sofá.

Um comentário: